RSS

Padre

19 maio
Há alguns meses atrás, eu vi um trailer deste filme e pensei: Puts, finalmente vão fazer um filme decente de vampiros depois de Crepusculo! Doce ilusão…

Cada vez mais eu tenho certeza que não devemos criar expectativas na vida, sejam elas no seu trabalho, esperando uma promoção que não virá, ou em sua vida amorosa, esperando ser correspondido (e compreendido) pelo seu par romântico ou em qualquer outro lugar onde se espera mais do que podemos ter! E foi exatamente isso que aconteceu em Padre. Mas, vou explicar aqui, o motivo pelo qual criei tanta expectativa neste filme, que ninguém apostava nada (eu fui o único trouxa!). Seu diretor o Scott Charles Stewart (Diretor de Legião), Estava com a corda no pescoço devido a suas duas ultimas obras não terem sido rentável para a industria cinematográfica. Scott Charles Stewart que tinha contrato com determinado estúdio, teve seu ultimato: Ou Padre pelo menos se paga, ou pode procurar outra profissão! Fato que o Scott deu uma atenção especial ao longa, pois, afinal de contas, o emprego dele dependia do sucesso deste filme! Por isso eu criei uma grande expectativa.

Sinopse:  Há séculos humanos e vampiros estão em guerra, o que fez com que o  planeta fosse devastado. Padre (Paul Bettany) é um guerreiro lendário que participou da guerra com os vampiros. Hoje ele vive na obscuridade, numa das cidades controladas pela igreja.
Vivendo em uma cidade onde o alto clero tem poder supremo de decisão e fazem lavagem cerebral nos moradores da cidade, o Padre vai até o clero solicitar que este seja reintegrado a Ordem dos Padres pois um grupo de vampiros capturou sua sobrinha Lucy Pace (Lily Collins). Obvio que a isto é negado, afinal, assumir que vampiros voltaram a atacar, é assumir que a igreja não pode mais proteger os moradores da cidade!


Com isso o Padre mesmo sem autorização da Igreja, parte em busca de sua sobrinha raptada. O Clero excomunga o Padre desertor e convoca novos Padres para capturar o desertor.


No caminho ele encontra Hicks (Cam Gigandet) um xerife que também está em busca da Lucy e fará de tudo para resgata-la dos vampiros e a Priestess (Maggie Q) que foi enviada pela igreja para capturar o padre. 

O Filme é um fiasco! em um universo que mistura Mad Max com com Juiz Dread, com desertos intermináveis e cidades sombrias, um padre, uma mulher padre (pode isso, Arnaldo?) e um xerife, vão fazer altas travessuras para ter de volta a sobrinha perdida! Sim, isso foi uma chamada para a sessão da tarde, porque não passa disto.


Filme com ótimo elenco, mas muito mal dirigido, não agrada nem aos fãs dos quadrinhos (PRIEST) nem aos fãs de vampiros, que por sinal, só tem um no filme e anda de dia! O filme tem um roteiro fraco, uma direção que não existe e um diretor de artes que deve ter dormido demais e perdeu a hora das filmagens.



A esta altura da missa, a Sony deve estar em praça publica, chutando o banquinho de apoio do Scott Charles Stewart e condenando-o por heresia contra os fãs de vampiros, HQ’s e Cinema!

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em 19/05/2011 em Uncategorized

 

Uma resposta para “Padre

  1. Morango Serelepe

    19/05/2011 at 16:41

    aaaaaaaaaaa para, que isso nao foi assim… o filme tem uma iniciativa boa de mostrar uma versao mais oriental do mito vampirico, só achei que faltou mais informações..

     

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: